Blog do Walison - Em Tempo Real

Mega-Sena pode pagar R$ 70 milhões neste sábado

O concurso 2.158 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 70 milhões para quem acertar as seis dezenas. O sorteio ocorre às 20h (horário de Brasília) deste sábado (8) em São Paulo (SP).

Para apostar na Mega-Sena

As apostas podem ser feitas até as 19h (de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou também via internet. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Probabilidades

A probabilidade de vencer em cada concurso varia de acordo com o número de dezenas jogadas e do tipo de aposta realizada. Para a aposta simples, com apenas seis dezenas, com preço de R$ 3,50, a probabilidade de ganhar o prêmio milionário é de 1 em 50.063.860, segundo a Caixa.

Já para uma aposta com 15 dezenas (limite máximo), com o preço de R$ 17.517,50, a probabilidade de acertar o prêmio é de 1 em 10.003, ainda segundo a Caixa.

Essa premiação definitivamente é o suficiente para mudar e melhorar a vida de qualquer um.

Três são presos por homicídio e ocultação de cadáver em São Luís

Após investigações da Polícia Civil do Estado do Maranhão, foi realizado o cumprimento de Mandados de Prisões Temporárias em desfavor de Layane Santos Santana, Luis Henrique Lima Fernandes Filho, conhecido como “Luizinho” e Alexandre Santos Silva, o “Xande”. Eles são suspeitos do envolvimento no assassinato de Marcelo Alves dos Reis, ocorrido no bairro do São Raimundo. O crime foi cometido no dia 03 de março deste ano, no domingo de carnaval, por volta das 15h.

As informações dão conta que Marcelo Alves dos Reis foi atraído por Layane Santana e uma adolescente para o Conjunto São Raimundo, pois a vítima já tinha um envolvimento com a adolescente. Assim que os outros criminosos mencionados descobriram tramaram para que ele fosse emboscado. Tão logo a vítima tenha chegado ao Conjunto São Raimundo, fora dominado por vários homens e adolescentes faccionados, que o levaram para o matagal na área base aérea do Tirirical, onde torturaram, assassinaram e ocultaram o corpo em cova clandestina.

Prisões por envolvimento em crime contra a vida

O Delegado Titular da SHPP repassou que os dois acusados foram presos em suas residências. Já a Layane Santana tinha sido intimada a comparecer na delegacia e ao se apresentar foi presa por conta de um cumprimento de mandado de prisão. As investigações continuam em andamento, no sentido de encontrar o corpo da vítima. A adolescente será investigada pela Delegacia do Adolescente Infrator (DAI).

A Polícia continua na busca ao corpo de Marcelo Alves dos Reis. Participaram da operação a equipe da Superintendência de Homicídios e Proteção à Pessoa (SHPP), e o Décimo Quinto Distrito Policial, localizado no bairro do São Raimundo.

ASCOM/SSP

Polícia Militar recebe 44 novas motocicletas para reforço da segurança pública no estado

O Governo do Maranhão entregou, nesta sexta-feira (7), 44 novas motocicletas para reforço das atividades da Polícia Militar no Estado. A solenidade foi realizada no Palácio dos Leões e contou com a presença do governador Flávio Dino e de oficiais de todas as corporações.


Motocicletas reforçarão as atividades da Polícia Militar (Foto: KGE)

“Estamos, a cada dia, fortalecendo a eficiência da segurança pública e, para isso, fazemos investimentos permanentemente, seja em recursos humanos, seja em estrutura”, destacou o governador Flávio Dino. “Com isso, nós estamos conseguindo aquilo que é reconhecido nacionalmente que é a redução da taxa de criminalidade violenta”, completou.

Em seu discurso, o governador ainda lembrou que, apesar das dificuldades financeiras que o país atravessa e que afetam diretamente as finanças estaduais, o Maranhão tem conseguido preservar elementos essenciais da gestão. “Nós estamos fazendo o esforço de preservar aquilo que é o principal, o essencial, que é a continuidade dos serviços públicos no Estado”.

O secretário de Estado da Segurança Pública, Jefferson Portela, sublinhou a agilidade do atendimento feito por policiais em motocicletas. “Essa entrega reforça o sistema estadual de segurança com aumento do número de viaturas policiais e isso é fundamental para o atendimento rápido. Essas motos vão circular por todos os bairros de São Luís potencializando a ação que já é firme”, destacou o secretário.


Motocicletas reforçarão as atividades da Polícia Militar (Foto: KGE)

Além da capital, as motocicletas também serão destinadas às cidades do interior, como explicou o comandante-geral da Polícia Militar, o coronel Ismael Fonseca. “Iremos empregar essas motocicletas no policiamento ostensivo, preventivo, dinamizando e otimizando o efetivo da Polícia Militar em todo o estado para melhor atender a população maranhense”, destacou o coronel.

Desde 2015, a gestão garantiu às polícias mais de mil novos veículos, entre carros e motos, beneficiando todas as regiões do Estado. As motocicletas são adequadas ao policiamento de rua e possibilitam maior agilidade e resposta às demandas da população.

Com as entregas, o Governo do Maranhão dá prosseguimento ao plano de estruturação da Segurança Pública, com a aquisição de equipamentos que melhorem a atividade policial.

Ao longo da gestão, batalhões e companhias em todas as regiões vêm recebendo, progressivamente, reforços com novos materiais, armamentos e veículos. O foco é ampliar a capacidade e eficiência das polícias.

Ascom

Nova gestão do IEMA em Codó cria projeto PORTAS ABERTAS

Com o objetivo de integrar a comunidade ao ambiente escolar, possibilitar que os pais conheçam os professores e outros pais e entendam aspectos importantes da rotina do filho, a nova gestão do IEMA – Unidade Vocacional de Codó promove o projeto Portas Abertas

De forma planejada, contará com especialistas para palestras ou simplesmente discutir um assunto com a comunidade.

“Ao  organizar eventos para a comunidade -Feiras de livros, exposições juninas, entre outros mil exemplos possíveis, traremos ganhos efetivos para a instituição, pois estaremos mais próximos da realidade de nossos educandos”, argumenta a nova gestora, professora Joseane Cantanhede.

Nesta semana o tema a ser apresentado é Sustentatilidade (tendo em vista que o IEMA é a primeira escola pública do Estado associada à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura – UNESCO) e os palestrantes convidados são o Secretário de Meio Ambiente, professor Ivaldo José da Silva  e as especialistas Mary Araújo e K’llane Silva ( nutricionistas).

Enviado por assessoria de imprensa

Água desperdiçada no Brasil equivale a quase sete sistemas Cantareira

Sistema Cantareira

O volume de água que é perdida no sistema de abastecimento vem crescendo no Brasil e chega a mais de 6,5 bilhões de metros cúbicos (m³) por ano, segundo estudo divulgado ontem (5) pelo Instituto Trata Brasil e a consultoria GO Associados. A quantidade de água é equivalente a quase sete vezes o volume útil do Sistema Cantareira, principal manancial que abastece a Grande São Paulo. Em termos percentuais, significa que 38,3% da água tratada foi desperdiçada antes de chegar aos destinatários finais.

Em algumas partes do país, o problema é ainda mais crítico. O percentual de perdas na Região Norte chega a 55,14%. Em Roraima, a cada 100 litros fornecidos pelas companhias de abastecimento, apenas 25 litros chegam aos clientes. No Amazonas, o percentual de perdas é de 69% e no Amapá, de 66%. No Nordeste, 46,25% da água é desperdiçada. No Maranhão, o percentual chega a 60% e em Pernambuco, a 52%. Em São Paulo e no Paraná, é de 35%.

Para efeitos de comparação, o estudo destaca que na Dinamarca o índice de perdas é de 6,9%; nos Estados Unidos, de 10,3%, e na Coreia do Sul, de 16,3%. O Brasil apresenta resultados piores do que outros países latino-americanos, como o México, que desperdiça 24,1% da água tratada, o Equador, 31,1%, e o Peru, 35,6%.

Prejuízo crescente

As perdas de água também vêm tendo um ligeiro crescimento nos últimos anos. Os dados de 2015 apontavam para um índice de 36,7%, em 2016 ficou em 38,1% e em 2017, últimos números disponíveis e que embasam a pesquisa do Trata Brasil, chegou a 38,3%. Em valores, o total perdido pelas companhias distribuidoras fica em R$ 11,4 bilhões ao ano.

Alguns estados e regiões, no entanto, apresentam resultados muito melhores do que a média nacional. Em Goiás, as perdas ficam em 26%, e no Rio de Janeiro em 31%. Em Santos, no litoral paulista, o índice de perdas é de apenas 14,32%, em Limeira, no interior de São Paulo, de 18,62%, e em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul, de 19,38%.

Falta de investimento

Para o sócio da GO Associados Pedro Scazfuca, o cenário demonstra um desinteresse em fazer investimentos que reduzam o desperdício nos sistemas de abastecimento. “Há uma falta de esforço para reduzir as perdas. Não tem sido feito o investimento necessário. A tendência natural de um sistema de abastecimento de água é aumentar as perdas, porque a estrutura vai ficando mais velha, sujeita a maior desperdício”, disse.

As cidades que conseguem os melhores resultados são aquelas que, segundo o especialista, focam não só na melhoria da estrutura de distribuição, como também no combate a fraudes e ligações clandestinas. “As perdas comerciais são muito representativas para as empresas do ponto de vista de receita. Reduzir as fraudes, melhorar a leitura dos hidrômetros, tudo isso contribui para a redução de perdas”.

Controle

O presidente da Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (Arsesp), Hélio de Castro, avalia que uma melhoria no controle dos sistemas pode indicar que as perdas são ainda maiores. “A tendência é que os indicadores piorem”, ressaltou, ao lembrar que o Sistema Nacional de Informações de Saneamento, usado como base do estudo, é elaborado a partir de informações repassadas pelas pelas próprias empresas de distribuição de água.

O ex-presidente da Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) Gesner Oliveira, avalia que nos locais onde há grandes perdas, o retorno dos investimentos para reduzir o desperdício tende a recompensar as companhias. “Você cair de 68% para 48% é relativamente fácil e os retornos são elevados”, disse. Em sistemas onde as perdas são menores, o esforço das empresas, segundo ele, tem que ser maior.Por Agência Brasil.

Entorse no tornozelo tira Neymar da Copa América

O atacante Neymar Jr. foi desconvocado da seleção Brasileira depois de sofrer uma entorse no tornozelo aos 18 minutos do primeiro tempo do jogo contra o Catar, realizado na noite dessa quarta-feira (5), no Estádio Mané Garrincha, em Brasília.

O jogador ainda chegou a ficar no banco de reservas, onde chorou enquanto recebia atendimento do médico Rodrigo Lasmar. Depois, durante o segundo tempo da partida, o atleta deixou o estádio e foi levado para uma clínica, onde foi avaliada e submetido a exames complementares de imagem que confirmaram a ruptura ligamentar no tornozelo.

Neymar sofreu um entorse no tornozelo e deixou o campo ainda no primeiro tempo
Neymar sofreu um entorse no tornozelo e deixou o campo ainda no primeiro tempo – Lucas Figueiredo – CBF

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF, No anúncio que fez em seu site sobre a desconvocação de Neymar, informou que por causa da “gravidade da lesão”, o jogador “não terá condições físicas e tempo de recuperação suficiente para participar da Copa América Brasil 2019. A partir desta quinta-feira (6), a comissão técnica da seleção brasileira iniciará a definição de um substituto”.

Visita de Bolsonaro

Desejo uma boa e rápida recuperação! Disse o presidente da República em sua conta no Twitter
Desejo uma boa e rápida recuperação! Disse o presidente da República, em sua conta no Twitter, após visitar Neymar na clínica onde o jogador passou por exames – Twiter do presidente da República, Jair Bolsonaro

Durante o tempo em que esteva na clínica realizando os exames, o atacante da seleção brasileira recebeu a visita do presidente da República, Jair Bolsonaro. O presidente postou uma mensagem em sua conta no Twitter, na qual deseja que Neymar se recupere da contusão rapidamente. “Visitando @neymarjr no Hospital Home em Brasília. Desejo uma boa e rápida recuperação!”.

O Jogo

A seleção brasileira de futebol venceu o Catar por 2 x 0. O time comandado pelo treinador Tite, começou a partida com uma marcação forte, tentando recuperar a bola no campo de ataque. Aos 16 minutos do primeiro tempo, Richarlison marcou de cabeça após um cruzamento de Daniel Alves pela direita

Richarlison comemora o primeiro gol do Brasil   REUTERS/Ueslei Marcelino
Richarlison comemora o primeiro gol do Brasil REUTERS/Ueslei Marcelino – Reuters/Ueslei Marcelino

Aos 17 minutos, Neymar deixou o campo com dores no tornozelo direito depois de pisar em falso após uma dividida. Ele foi para o banco, deixou o campo com gelo no pé direito e foi direto para o vestiário. O craque foi substituído pelo atacante do Grêmio, Everton.

O segundo gol do Brasil saiu aos 23 minutos, também no primeiro tempo. Richarlison serviu Gabriel Alves que tirou o goleiro Al-Sheeb da jogando colocando a bola no funda da rede.

Nos acréscimos do segundo tempo, aos 49 minutos, o juiz marcou pênalti para o Catar após consultar o VAR (Árbitro assistente de vídeo) para analisar um lance em que Abdulsalam recebeu e Ederson caiu e tocou na bola. Khoukhi cobrou, mas acertou o travessão do gol de Ederson, confirmando a vitória do Brasil por 2×0.

O Brasil jogo com: Ederson; Daniel Alves (Éder Militão), Marquinhos, Miranda e Filipe Luís (Alex Sandro); Casemiro, Arthur (Fernandinho) e Philippe Coutinho (Lucas Paquetá); Richarlison (David Neres), Neymar (Everton) e Gabriel Jesus.

A seleção disputa o seu segundo amistoso contra Honduras no próximo domingo, dia 9, no Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre. A estreia da seleção na Copa América será no dia 14 de junho, contra a Bolívia, no Estádio do Morumbi, em São Paulo.Fonte Agência Brasil.

Centro Histórico de São Luís tem policiamento reforçado no período junino

A maior festa popular do Maranhão está chegando e para garantir a segurança de turistas e brincantes, o Batalhão de Polícia Militar de Turismo (BPTur) vai reforçar o policiamento no Centro Histórico de São Luís durante todo o período das festas juninas.

Somente na região dos arraiais da programação oficial, serão mobilizados mais de 80 policiais do BPTur por dia, com o uso de viaturas, motocicletas e policiais a pé, que estarão dispostos em pontos estratégicos de monitoramento, realizando rondas e vistorias, e orientando o público.

O reforço das ações policiais contará, ainda, com apoio dos comandos de Policiamento de Área Metropolitana (CPAM) 1,2 e 3, além de um helicóptero do Centro Tático Aéreo (CTA). O objetivo é combater possíveis ações criminosas, além de garantir tranquilidade a todos que vierem prestigiar o São João em uma das áreas mais turísticas da cidade, e que contará com diversas programações culturais e shows.

Na Praça Nauro Machado, e nas ruas próximas, que já contam com a decoração junina, o policiamento já foi reforçado com o uso de policiais a pé, devido ao aumento no número de visitantes. A praça já conta também com um posto fixo do batalhão, que auxilia no policiamento na região.

O comandante do BPTur, coronel Honório de Carvalho, explica que o Batalhão já está de prontidão para garantir a segurança em todas as áreas em que realiza o policiamento. “Mais uma vez o BPTur abraça essa missão de garantir um São João seguro e tranquilo a todos e não só no Centro Histórico, mas em todas as áreas turísticas onde o Batalhão atua”, afirmou.

Esse reforço do contingente soma-se ao trabalho já realizado pelo BPTur no Centro Histórico. “Apesar de reforçarmos o policiamento agora na região, o BPTur já vem há algum tempo realizando um trabalho para garantir segurança não só ao turista, como a todos que frequentam o Centro Histórico, e o que temos observado é que cada vez mais aumentar a quantidade de pessoas que frequentam a região”, comentou.

Ascom

Bolsonaro lança projeto de recuperação do Rio Araguaia

O presidente Jair Bolsonaro participa hoje (5) em Aragarças (GO), a 380 quilômetros de Goiânia, do lançamento do projeto Juntos pelo Araguaia.

A data marca o Dia Mundial do Meio Ambiente. O objetivo do projeto, uma parceria entre os governos de Goiás e Mato Grosso, é recompor áreas florestais e conservar o solo e a água na região, além de implantar ações de saneamento.

Com mais de 2,6 mil quilômetros de extensão, o Araguaia é um dos principais rios do país e forma a divisa natural entre Goiás, Mato Grosso, Tocantins e o Pará.

Sua bacia se estende por mais de 350 mil quilômetros quadrados. O programa de recuperação deve envolver 28 municípios goianos e mato-grossenses, banhados pelo Araguaia.

Na primeira etapa, segundo o governo de Goiás, a meta é recuperar 10 mil hectares de áreas degradadas às margens do rio.

Programação

O presidente da República deve chegar à cidade por volta das 9h, acompanhado do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, entre outras autoridades.

Além dos governadores de Goiás, Ronaldo Caiado, e de Mato Grosso, Mauro Mendes, também deve comparecer ao evento o governador do Tocantins, Mauro Carlesse. Segundo a assessoria da Presidência da República, o evento será transmitido ao vivo pela TV Brasil, da Empresa Brasil de Comunicação (EBC).

Após o lançamento do projeto Juntos pelo Araguaia, Bolsonaro retorna a Brasília, onde deve desembarcar no início da tarde.

O Palácio do Planalto informou que ele tem a intenção de assistir ao amistoso da Seleção Brasileira contra o Catar, jogo que será disputado no Estádio Nacional Mané Garrincha, na capital federal, às 21h30 desta quarta-feira. Por Agência Brasil.

Mega-Sena sorteia hoje prêmio de R$ 63 milhões

A Mega-Sena sorteia nesta quarta-feira (5) o prêmio acumulado de R$ 63 milhões. As seis dezenas do concurso 2.157 serão sorteadas, a partir das 20h, no Espaço Loterias da Caixa, no Terminal Rodoviário do Tietê, na cidade de São Paulo, e aberto ao público.

De acordo com a Caixa, caso aplicado na poupança, o valor do prêmio, que está acumulado per terceira vez consecutiva, poderia render mais de R$ 234 mil por mês.

Mega-Sena, loterias, lotéricas
Com apenas 3,50 qualquer pessoa pode concorrer a essa premiação pra lá de convidativa, as estimativas são as de que muita gente deve tentar ganhar a premiação dessa quarta – feira.

Governador Flávio Dino inaugura restaurante popular no município de Governador Newton Bello

A população da cidade de Governador Newton Bello foi contemplada, nesta terça-feira (4), com a entrega de uma unidade do Restaurante Popular. Iniciativa do Governo do Estado, este é o 25º restaurante popular do Maranhão. O espaço tem capacidade para servir 200 refeições diariamente, no valor simbólico de R$ 2.


Restaurante Popular leva segurança alimentar para Governador Newton Bello (Foto: Ana Laura)

Na cerimônia de inauguração do equipamento, o governador Flávio Dino destacou o compromisso da gestão com as políticas sociais e de garantia do acesso à alimentação a quem precisa. “O governo tem um conjunto de ações sociais e que garantem igualdade de direitos de maior importância, a exemplo da alimentação adequada e digna. Esta é a primeira cidade do programa Mais IDH que recebe esse equipamento e representa uma conquista”, pontuou Flávio Dino. O Restaurante Popular foi aberto ao público logo após a cerimônia.

Na ocasião, o governador citou outras ações do Governo do Estado na cidade como a implantação do programa de alfabetização Sim, Eu Posso; presença da Força Estadual de Saúde no atendimento de saúde básica; e medidas de apoio à agricultura familiar.

“O governo mostra seu compromisso ao entregar, em menos de uma semana, mais este equipamento de segurança alimentar. Esse espaço é mais que um restaurante. É um centro de referência que vai ajudar a dar direcionamento à população no campo da segurança alimentar”, pontuou o secretário de Estado de Desenvolvimento Social (Sedes), Márcio Honaiser. A solenidade contou com apresentação de coral infantil do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos do Centro de Referência e Assistência Social (Cras).


O equipamento alimentar é uma demanda antiga da região (Foto: Ana Laura)

O prefeito Roberto Silva Araújo, o Roberto do Posto enfatizou “a alegria em poder entregar esse restaurante, um sonho da população, esperado a mais de dois anos e que se transformou em um espaço de qualidade, graças à gestão Flávio Dino”. O município é um dos 30 incluídos no programa estadual Mais IDH e o primeiro do programa a receber o equipamento alimentar. O Mais IDH tem como foco promover a melhoria dos índices de desenvolvimento social e tirar as regiões da extrema pobreza.

O restaurante está localizado no prédio do Centro de Referência de Segurança Alimentar, na BR 316, Centro, e além das refeições, vai oferecer atendimento de saúde, atividades físicas e capacitações. O novo espaço estimulou a dona casa Francisca Maia a aprender mais e hoje ela é uma das alunas inscritas nas capacitações. “Agradeço a Deus e ao nosso governador, que nos trouxe algo que esperávamos tanto. Essa cozinha equipada e com estes cursos disponíveis é uma esperança para todos nós que precisamos aprender uma profissão e queremos melhorar nossa vida”, disse.

O espaço será ainda um polo gerador de trabalho e renda à comunidade agricultora do assentamento, que irá abastecer o restaurante com suas produções e contribuir para que sejam servidos pratos ainda mais saudáveis. Trabalhador rural e morador de assentamento, Averaldo Moraes lembra que é uma oportunidade única. “A gente da zona rural não tinha opção para almoçar. Aqui, o alimento é de qualidade, a gente pode fazer um curso e ainda ter uma alternativa de trabalho que ajudar na renda. Parabéns ao nosso governador pelas obras que ele está fazendo na cidade”.


O equipamento alimentar é uma demanda antiga da região (Foto: Ana Laura)

A expansão da rede de restaurantes populares tem como finalidade o combate à fome, extrema pobreza e insegurança alimentar, beneficiando e proporcionando mais dignidade à população em situação de vulnerabilidade social e estado de insegurança alimentar. Até 2014, eram apenas seis destes equipamentos em todo o Maranhão. A partir de 2015, primeiro ano da gestão Flávio Dino, foram inauguradas mais 20 unidades, o que corresponde a um aumento de mais de 300%. A expansão foi responsável pela multiplicação das refeições servidas no Estado. Desde 2015, alcançam 14,7 milhões de pratos, incluindo sobremesa e suco e em algumas localidades, servindo também o jantar.

Os Restaurantes Populares só existiam em São Luís; agora estão espalhados pelas diversas regiões do Maranhão. Com refeições ao preço simbólico que varia entre R$ 2 e R$ 3, o equipamento serve refeições completas e nutritivas. Os públicos prioritários atendido no programa são desempregados, estudantes, trabalhadores, moradores de rua e de famílias em situação de insegurança alimentar.

Ascom