Blog do Walison - Em Tempo Real

Mais 180 policiais se formam e reforçam a segurança no Maranhão

Mais 180 novos policiais militares se formaram nesta segunda-feira (7) no Maranhão para reforçar a segurança no Estado. Eles passam a integrar a maior tropa policial da história do Maranhão, de 15 mil profissionais.


Formatura de 180 novos policiais (Foto: Gilson Teixeira)

Os novos policiais do Curso de Formação de Soldados 2019 vão atuar tanto na capital quanto no interior.

“A sociedade pode esperar de nossos policiais o tratamento com respeito. A gente preza muito por isso em relação à polícia comunitária: a proximidade e a amizade com a sociedade”, disse a nova policial Taiane Catrine.

A formatura foi na Praça Maria Aragão e teve a presença do governador Flávio Dino, do vice-governador Carlos Brandão, do secretário de Estado de Segurança Pública, Jefferson Portela, e do comandante geral da Polícia Militar, coronel Ismael Fonseca, além de autoridades civis e militares.

“Estamos permanentemente investindo para aprimorar a polícia. Isso inclui a formação, a capacitação e a valorização dos profissionais para que obtenhamos esse resultado. Uma polícia mais eficiente e mais próxima da população e que seja capaz de continuar a redução da violência”, afirmou o governador Flávio Dino.

Ele deu como exemplo, a queda de 72% nos homicídios em setembro de 2019 na Grande Ilha na comparação com o mesmo mês de 2014. Além disso, São Luís é a capital que mais reduziu esse tipo de crime em todo o Brasil.

Inclusão


Formatura de 180 novos policiais (Foto: Gilson Teixeira)

O secretario Jefferson Portela disse que “é mais um dia de glória na história da Polícia. Essa farda declara que os senhores são policiais, com a missão de servir a cidade, atendendo cada cidadão e cidadã que nos procura”.

De acordo com o coronel Ismael Fonseca, os formandos incluem pessoas com deficiência, que vão atuar no setor administrativo. “É uma questão de inclusão social. E vamos reforçar a segurança tanto na capital quanto no interior”, afirmou.

Curso

O curso de formação teve duração de oito meses e foi dividido em duas fases, incluindo São Luís e polos regionais no interior do Estado.

Eles aprenderam disciplinas específicas da atividade do dia a dia, como abordagens, tiro policial, direito penal militar, defesa pessoal e aulas práticas, em diversos ambientes, simulando situações reais de ocorrências policiais. Também houve teorias voltadas para formação intelectual, humanitária e jurídica.

Ascom

Categoria: Uncategorized

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*