Blog do Walison - Em Tempo Real

Governador Flávio Dino recebe organizadores do Círio de Nazaré e garante apoio do Governo à festa

O governador Flávio Dino recebeu, na tarde desta sexta-feira (20), a comitiva organizadora do Círio de Nazaré, realizado pela Paróquia Nossa Senhora de Nazaré, no bairro Cohatrac, em São Luís. O Governo do Estado apoiará mais esta edição da festa religiosa, que já se estabeleceu no calendário cultural de São Luís como um evento de grande proporção.


Governador Flávio Dino em reunião com comitiva organizadora do Círio de Nazaré (Foto: Nael Reis)

O secretário de Estado de Cultura, Anderson Lindoso, participou do encontro e ressaltou a empenho que a gestão Estadual tem feito ao longo dos últimos anos para apoiar a organização do Círio de Nazaré, que este ano acontecerá entre 10 a 20 de outubro.

“Mais um evento apoiado pelo Governo do Estado, agora o Círio de Nazaré, que já faz parte do calendário cultural de São Luís, movimentando fiéis do bairro e de toda cidade e turistas, que vem visitar esse evento religioso. E esse ano, como tem acontecido desde o começo do gestão, o Governo estará apoiando”, pontuou Anderson Lindoso.

Participaram da reunião com o governador grupo de integrantes da comunidade católica do Cohatrac, liderado pelo pároco da Igreja, padre Flávio Marques, que destacou a importância do apoio do Governo do Estado ao Círio de Nazaré.

“Para nós é uma alegria, primeiro por ser recebido pelo governador e também para conversar sobre o Círio, que a cada ano cresce mais e envolve muito a cidade de São Luís e todo o Maranhão. Então, um evento como esse a gente não pode realizar sozinho. É uma oportunidade de estreitar os laços, fazer parceria entre Igreja, sociedade e o Estado“, pontuou o padre, defendendo: “O tema deste ano do nosso Círio é: “A Igreja no coração do bairro e Deus no meio do povo”, quer dizer, em todos os lugares que a Igreja pode penetrar a presença de Deus está ali. Embora o Governo não seja confessional, se pauta em fazer bem a todos. Então, esse é um viés que a gente dá as mãos, nós, a partir da fé, e o Estado, a partir do bem comum. E a que sociedade ganha com isso”.

Ascom

Categoria: Uncategorized

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatório são marcados *

*